quarta-feira, 20 de março de 2013


Aos meus filhos, amigos e simpatizantes do Sr Zé Pelintra, Dia 30 de março de 2013 ás 18 horas, faremos uma homenagem ao Sr Zé Pelintra pela data, sábado de Aleluia, aonde a casa o Ilê da Oxum Apará, saúda a todos os Baras Exús e nesta data por varias graças alcançadas.
Sr Zé Pelintra foi a entidade escolhida para receber a principal homenagem do dia,nesta ocasião será servido um coquetel malandro.
Um monumento em homenagem ao Sr Zé Pelintra será inaugurado.
Contamos com sua presença.
Local: Rua José Carlito da Silva, em Itaguaí, Bairro Santa Cândido.
Telefones para contatos 2676-3614 / 3654-2343.
Pai Jair de Ogum.

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

PREVISÃO PARA O ANO DE 2011

Regencia do ano de 2011, feito pelo babalorixá Jair de Ogum, sobre quem irá reger o ano. Seus preceitos, hábitos, habitares, energias, saudações e influencias.

O ano de 2011, visto pelos búzios sagrados, será regido por Oxum, Iemanjá e Baras e com o acompanhamento de todas as Yabás como: Iansã, Nanã e uma influência de Logun Edé e Oxalá Guian. Será um ano visto pelos búzios, que predominará as influências das entidades ancestrais femininas, que chamamos de Yabás (mulheres). Será um ano bom, fraterno, amoroso, pacifico, mas com um alerta, pois quando ouvimos a comunicação dos búzios que Baras (Exus) também acompanham as Yabás e regem também o ano, é sinal de pequenos e grandes conflitos, todo cuidado é pouco. Baras vem protegendo as Yabás (santas mulheres), não permitindo abusos. Vemos também devido a presença de Baras, um ano muito quente, a temperatura subirá exageradamente. Foi mostrado também possibilidade de grandes incêndios, até em um grande aeroporto. O consumo de bebidas alcoólicas poderá aumentar, sendo o causador de acidentes, mortes, desastres e tragédias. Controlar a bebida, tirar de casa bebidas alcoólicas, armas de fogo e brincadeira com fogo. Não serão os Baras que causarão isto e sim um ano com suas presenças. Estes elementos tornam-se perigosos e os Baras estão presentes para controlá-los, contando também com a abençoada presença das Yabás (santas mulheres). Como Oxum, Iemanjá, Iansã, Nanã que seus elementos são água é daí a grande esperança de Paz e a água apaga o fogo. O conselho dos búzios e de todos os Orixás é que se beba bastante água e que se tome muitos banhos e que freqüente habitat (lugar) de energias com água, como rio, lagos, cachoeira, mar. Foi orientado também, que ao seu lado ao dormir, deve ter um copo com água e no dia seguinte despachar em uma planta ou água corrente, pode ser em casa. Será um ano também que as pessoas terão vontade de gastar, pois será um ano da vaidade, ano da mulher, com a presença na regência de Oxum e Iansã (Deusas da vaidade). È possível com certeza, que o desejo ao jogo, esteja aberto, vontade de acertar, de ganhar, de aventurar, de conquistar, quando entra a influencia de Bara (Exu) e alguns nomes de Exus, ancestrais mais vistos foram: Bara, Lebara, Tiriri, Xoroquê, pomba gira, Tranca Rua, uma série de (Exus), que acompanham estes citados. Por estes motivos e observação é que devemos até fevereiro ou quanto antes melhor, de maneira certa e responsável e com sabedoria e bem orientado, agradar nossos Baras (Exus). Não esta sendo exigido lembranças e nem oferendas faraônicas, com amor, fé, com uma vela e um copo com água, encaminhe seus pedidos aos pés dos Ancestrais (entidades). Assim como as Yabás, que irão reger este ano que se inicia, devem ser lembradas e reverenciadas, é uma nova era, um novo ano, outro ciclo e uma nova regência. Observei um detalhe que muito me chamou atenção, neste ano regido pelas entidades femininas, acontece também a mudança de poder governamental. O palácio do planalto passa ser comandado por uma mulher, assume pela primeira vez no Brasil, uma mulher como Presidenta da republica, isto justamente quando o ano é regido por mulheres ancestrais, isto exatamente à 510 anos após o descobrimento do Brasil.
Dilma Roussef
Mulher filha de Iansã e Xangô. Que Iansã, uma guerreira, dona do comando, Orixá das trovoadas, tempestades, que tem seu habitat os bambuzais e é sábia, que lhe conduza, lhe ilumine, para que tenha um feliz ano e faça justiça de amor a quem vive com esperança neste grandioso Brasil. São os votos do Ilê da Oxum Apará (casa religiosa em Itaguai, tendo como seu Babalorixá o Pai Jair de Ogum).

OXUM
Deusa do amor, da vaidade, sempre atenta e preocupada com seus filhos, traz a paz, a fortuna, o luxo. Não sendo amante da guerra, habita no ventre das mulheres e nele acolhe e protege a fecundação, para daí acompanhar uma gravidez e seguir entregar nas mãos de Oxalá, Iemanjá e Obaluaiê, que acolhem, mais uma vida na casa da mãe terra. Oxum, sua saudação é ORA IÊ-IÊ O OXUM, seu dia no ano é 8 de Dezembro, na semana, todos os sábados, sua comida (oferenda), frutas, omolocum, feito com ovos, camarão seco, feijão fradinho, cebola e azeite de dendê, seu habitat (local de energia maior) águas doces, cachoeira e lugares floridos, limpos, harmonioso, perfumado e que transmita paz. Suas cores, dependendo da sua qualidade amarelo ouro, branco, azul, amarelo claro e cor palha. Seus elementos, pedra topázio, diamante e o minério ouro. Frutas preferidas, maçã, uva e fruta do conde.

          
IEMANJÁ
Senhora mãe, dona das cabeças, celebração com Baras (Exus), dia do ano 2 de fevereiro, dia da semana, sábado. Senhora de branco, vista com respeito por sua seriedade. Seu habitat (local), mar, ilhas e todos os lugares santificados. Sua saudação, ODO YÁ (SALVE IEMANJÁ). Sua cor, branco, azul. Comidas (oferenda) de preferência, arroz cozido com ovos, peixes e frutos do mar. Frutas, maçã, pêra, melão e outros. Suas pedras, pérolas e ouro branco. Dona das cabeças, vigilante do cérebro, acompanha também a fecundação. Ama o dia e o cair da tarde, seus filhos mantém relacionamentos mais que ocultos, bem diferentes dos outros Orixás, que não escondem tanto o que fazem. Iemanjá passa para seus verdadeiros filhos, sua sabedoria e preocupação de economia.

IANSÃ
É outra Yabá que estará presente nesta regência. É linda, faceira, corajosa, guerreira e mãe. Usa corais, adora brilhos, danças perfumes. Seu habitat é o bambuzal e caminhos floridos. Deusa da ventania e das ondas dos mares. Sua oferenda, acarajés, beterraba, camarão e lagosta. Seu dia do ano, 4 de Dezembro, seu dia da semana sábado. Todos os dias dos Orixás, são pelos dias que seguem as autoridades religiosa da umbanda e do candomblé, mas existem casas de santo, que seguem os dias ou datas escolhidas ou determinadas pelos seus Orixás, mas na maioria estas sempre são as datas mais festejadas. Saudação de Iansã, EPARREI BELA OYÁ, EPARREI IANSÃ. Sua pedra entre tantas, o coral é o mais utilizado. Suas frutas, maçã, uvas, jaca, fruta pão e laranja. Função, esta sempre afastando de todos o mau, a presença de EGUNS (mortos) e lutando pela liberdade. Iansã não recomenda a obesidade, nem jogos incertos, é muito desconfiada e vigilante das pernas e da coluna do ser humano.

BARAS (EXUS)
Não podemos esquecer das influencias dos Baras (Exus), logo que foram citados e regem também junto com as Yabás, o ano de 2011. O ano tem o final 11, que é altamente cabalístico e quer dizer muito para os estudiosos de numerologia. Para nós, espiritualistas é bom usar em seus negócios ou decisões o numero 11. Bara também é ancestral, existe o macho e a fêmea, Bara e Lebara. Os dois também usam energias quentes, são vibrantes, ágeis, decisivos e não aceitam nunca perder. Ocupam no corpo humano, os órgãos sexuais para se manifestarem, não quer dizer com isto que são obscenos. Assim como vários Orixás, habitam várias partes do corpo de humanos para terem, mais ação e protegê-los. Um exemplo para que fique mais claro, quando uma pessoa encontra-se doente, saindo de uma cirurgia ou se preparando para ela ou com feridas pelo corpo, recorre-se ou pensa-se imediatamente em Obaluaiê ou Omulu, ele é considerado e respeitado, é o protetor dos doentes e dos animais. E assim agem outros Orixás, são responsáveis mais diretamente, por parte do nosso corpo. Vejamos num campo mais material de negócio, quando estamos com um problemas de justiça, recorremos a Xangô, parte do amor, Oxum. Um sacerdote assumido e sem preconceito, sabe que isto é verdade, até nos livros escritos por conhecedores, encontramos estas colocações, ensinamentos e mistérios. Estou nestas humildes colocações, usando a pureza de minha humildade, de coração aberto e com uma linguagem fácil, para que todos que não tem um vasto conhecimento, não tenha também dificuldades de entender. Voltando a falar de Bara que se apresentou, Bara pode tudo , vence tudo, é capaz de tudo, não joga para perder. Tem que ser respeitado, lembrado, pois é um mensageiro, é quem abre os caminhos e guarda nossas costas. As divindades Yabás, não vieram sem guardiões. Suas cores, preto e vermelho (o mais usado), mas tem Baras (Exus) que usam também outras cores, dependendo da casa que ele é louvado. Suas comidas (oferendas), padês, comidas quentes com pimentas, dendê e cebolas, recebe também algumas oferendas especificas e Bebidas diversas. Saudação LAROYÊ EXU, sobre Baras, cada casa tem sua forma especial de saudá-los ou interpretá-los, não existe uma regra. Seu dia do ano, 13 de junho (dia de Santo Antonio) ou sábado de Aleluia, na semana, é mais louvado na segunda-feira, suas festas ou comemorações, poderá ser em qualquer dia.
Me sinto muito feliz e confiante no ano que se inicia. Vejo a regência das Yabás, encabeçando Oxum, Iemanjá, Iansã, Nanã e as Lebaras, com muitas esperanças, não será um ano em vão, são várias mães, não é só uma água, são várias.
Para encerrar, gostaria de chamar a atenção de autoridades políticas, jornalistas, estudiosos e simpatizantes de nossa religião, sobre o ponto mais alto politicamente falando. Que no dia 1º da Janeiro de 2011, pela primeira vez, uma mulher ocupa a presidência da Republica e neste mesmo dia, as Yabás (ancestrais femininas) regem este ano. Isto não é por acaso, isto não é em vão e isto não é para deixar de ser estudado, da nossa presidenta é também uma enorme responsabilidade, jamais poderá desapontar, ser omissa, fechar os olhos em um governo que inicia-se, trazidas pelas Yabás. Tem tudo nossa presidenta Dilma Roussef, para fazer um dos maiores governos da história. Os búzios mostram isso, as portas estão abertas, o sol clareia. O que tem que fazer é fiscalizar e cobrar. Desejo ter sido humilde, desejo aos meus amigos, filhos e irmãos de religião, aos comunicadores e aos menos favorecidos, um ano de melhora para todos, brilho, amor, felicidade e saúde. Baixarei minha cabeça para qualquer previsão ou regência de 2011, diferente das minhas. Entendo que cada caso é um caso, que cada jogo de búzios, é um jogo de búzios e cada interpretação é uma interpretação. Só desejo que recebam como um gesto de luz, humildade, amor e fé, para transmitir o que estou transmitindo, sobre o ano de 2011. Meu axé e eu seja abençoado por quem tem o amor da benção. Babalorixá Jair de Ogum, praticante também da umbanda, filho de Ogum Iara, meu pai meu mestre, aonde encontro a verdade. Pai Jair de Ogum, rei da umbanda no Brasil, com Ilê da Rainha Oxum Apará, no Municipio de Itaguaí, no bairro de Santa Cândida, Tel: (21) 2676-3614/3654-2343. Deus se encontra em todos os caminhos e religiões e não há quem não seja filho deste pai. Jair de Ogum.